Fracassa política social na gestão Rafael Greca

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on print

Segundos dados do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) em julho de 2019, Curitiba tinha 2.310 moradores de rua, um aumento de 200% com relação a 2013, na gestão do ex-prefeito Gustavo Fruet (PDT), quando o número era de 776.

Segundo o MP-PR (Ministério Público do Paraná), na capital do Paraná há em torno de 3.200 pessoas na situação de desamparo e a FAS (Fundação de Assistência Social de Curitiba), oferece apenas 742 vagas de acolhimento, insuficiente para abrigar a todo.

A administração Greca vem sendo criticada por esquecer totalmente desse segmento e certamente será tema dos debates eleitorais, pois a sensação é de que os números não correspondem a realidade, devido a presença dos moradores de rua em diversos bairros do município, do Batel a Vila Izabel, do Hugo Lange a Santa Felicidade e do Centro ao Bairro Alto.

Relembrar é viver !! segue vídeo abaixo !!

Fonte Blog do Tupan

COMPARTILHE

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Share on print
Print

Outras Notícias