GESTÃO FRUET PROMETE PAGAR HE NO NATAL E ANO NOVO, MAS NÃO CUMPRE

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on print

Por meio da Secretaria Municipal de Recursos Humanos, a PMC no dia 21 de dezembro, anunciou que as horas trabalhadas nos dias 25 de dezembro (Natal) e 1º de janeiro de 2016 (ano novo), seriam remuneradas com adicional de 50%.

 

Segundo a nota publicada pela PMC, “a medida vinha afirmar, mais uma vez, o compromisso e o respeito da Administração aos seus servidores valorizando aqueles que muitas vezes sacrificam o convívio familiar nessas datas festivas, para assegurar o atendimento à população”.

Desde o dia 11/01/2016 o sindicato vem cobrando
Desde o dia 11/01/2016 o sindicato vem cobrando

 

Porém a promessa, como outros compromissos firmados pela gestão Fruet, até o presente momento não se concretizou.

 

O sindicato assim que ficou ciente sobre a possibilidade da SMRH não efetuar o referido pagamento, encaminhou documento cobrando um posicionamento da Secretária de Recursos Humanos sobre o assunto, porém até o presente momento, o sindicato não recebeu nenhuma resposta.

 

Segundo o Diretor da Guarda Municipal, Inspetor Vanderson Cubas, a SMRH informou que as horas extraordinárias devidas para quem trabalhou nas escalas do dia 25/12/2015 e 01/01/2016, foram reencaminhadas a pedido da SMRH, mas não foi repassado a direção da Guarda Municipal a data em que estas horas serão pagas.

 

 “Resumindo: Mais “uma” da Secretaria Municipal de Recursos Humanos. Notícias dão conta que a equipe da SMRH não calculou da forma correta os impactos financeiros da medida. E quem paga por isso, são os servidores, principalmente nós guardas municipais”, protestou o diretor de Assuntos sindicais, GM Prebianca.

 

A reivindicação da categoria é o pagamento de adicional de 100%  das horas trabalhadas em feriados, assim como ocorre aos trabalhadores celetistas, ou seja, regidos pela Consolidação das Leis Trabalhistas – CLT.

 

A diretoria do SIGMUC, no início da tarde de hoje (26/01), após receber informação que as horas extras não serão pagas na folha normal de janeiro, entrou em contato com a SMRH que até o presente momento não se manifestou sobre o assunto.

 

Reivindicação antiga

 

Desde 2013, o pagamento das horas trabalhadas em dias de feriados com adicional de 100% (DSR) integra a pauta de reivindicações da categoria.

 

Para os trabalhadores celetistas, o direito ao pagamento em dobro dos plantões trabalhos no regime de trabalho 12×36 que coincidam com feriados, está garantido por meio da súmula nº 444 do tribunal Superior do Trabalho.

 

COMPARTILHE

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Share on print
Print

FILIE-SE AO SIGMUC

INFORMATIVO SOBRE A PEC 32/2020

DENUNCIE IRREGULARIDADES

FACEBOOK

Outras Notícias