SIGMUC, COBRA DEBATE SOBRE ALTERAÇÃO NO HORÁRIO DA ESCALA DE TRABALHO.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on print

A diretoria do SIGMUC cobrou da atual gestão, reunião conjunta entre o Secretário da Defesa Social, Secretário de Recursos Humanos e sindicato, para combater a alteração do horário de início e término da jornada de trabalho imposta pela Guarda Municipal.

Alguns guardas municipais escalados para trabalharem em operações de patrulhamento no centro da cidade, estão sofrendo alteração no horário de início e término da escala de trabalho.

Esta alteração além de não ter sido debatida previamente com os trabalhadores, vem causando grandes problemas.

A alteração, compreendendo início às 10h00min e término às 22h00min, engloba no mínimo, dois períodos de alimentação dos trabalhadores. Ocorre que, a Guarda Municipal vem pagando apenas uma pecúnia por jornada, ou seja, o guarda municipal terá que permanecer, em alguns casos, por quase 10 horas sem se alimentar, ou, tirar do seu próprio bolso os custos de outra refeição.

A situação  afeta em cheio a saúde do trabalhador.

Clique aqui e veja o ofício.

“Estamos aguardando uma resposta da Administração, caso não haja interesse em dialogar, estaremos tomando as medidas necessárias, via ações sindicais e judicias”, declarou o presidente do SIGMUC.

As denúncias com relação às condições de trabalho podem ser realizadas via http://sigmuc.com.br/sistema/denuncia.php.

NÃO FIQUE CALADO! DENUNCIE.

DIRETORIA SIGMUC!

JUNTOS SOMOS FORTES!

COMPARTILHE

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Share on print
Print

FILIE-SE AO SIGMUC

INFORMATIVO SOBRE A PEC 32/2020

DENUNCIE IRREGULARIDADES

FACEBOOK

Outras Notícias