SIGMUC PROTOCOLA SUGESTÃO DE LEI, CRIANDO TESTE TOXICOLÓGICO OBRIGATÓRIO PARA VEREADOR E ASSESSORES EM CURITIBA

SIGMUC PROTOCOLA SUGESTÃO DE LEI, CRIANDO TESTE TOXICOLÓGICO OBRIGATÓRIO PARA VEREADOR E ASSESSORES EM CURITIBA

Em observância aos princípios constitucionais da moralidade e da probidade administrativa, em nome da transparência, da lisura, da ética e, acima de tudo, em respeito à população curitibana, o SIGMUC, protocolou na data de hoje (17/06) sugestão de projeto de lei que: DISPÕE SOBRE A OBRIGATORIEDADE DOS VEREADORES E ASSESSORES DE RELAÇÕES PARLAMENTARES DO QUADRO PERMANENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DO MUNICÍPIO SE SUBMETEREM, SEMESTRALMENTE, A REGULAR EXAME TOXICOLÓGICO DE NATUREZA PÚBLICA.

A iniciativa não é novidade, outras casas legislativas já promoveram a análise de tal proposição.

Inclusive já tramita no congresso Nacional, várias proposições semelhantes, impondo a realização de exame toxicológico para detecção de substancias ilícitas obrigatória entre os parlamentares, afinal, pessoas que exercem tamanho poder como a criação de leis que regem toda a sociedade, devem encontrar-se sob condições normais de lucidez.

“Esperamos que os vereadores analisem a sugestão, que ela se torne proposta e que seja aprovada, declararam os diretores do sindicato.

Projeto_de_lei

SIGMUC, Juntos Somos Fortes!