Assim caminha a Guarda Municipal……………..

Assim caminha a Guarda Municipal……………..

Como já dizia o ditado: “Quem trabalha muito, erra muito, quem trabalha pouco, erra pouco, quem não trabalha não erra, logo é promovido. ”  O SIGMUC – Sindicato dos Servidores da Guarda Municipal de Curitiba tem recebido notícias de guardas municipais que estão sofrendo mudanças de escalas repentinas por conta de simplesmente cumprirem com suas funções.

Situações como esta evidenciam que há uma distância abissal entre o discurso do Secretário da pasta que é Delegado e o que realmente acontece.

Os últimos casos têm ocorrido no GOC – Grupo de Operações com Cães e no GOE – Grupo de Operações Especiais, onde os guardas são afastados arbitrariamente antes mesmo da existência de qualquer procedimento administrativo que o justifique. “Já identificamos neste caso que houve afastamento do guarda por dar apoio a um guarda municipal em situação de emergência, fato este que está repercutindo em diversas redes sociais de grupos policiais. ” Apontam os diretores.

O SIGMUC orienta que os guardas que se identificarem com situações de assédio ou perseguições de seus superiores, que procurem o jurídico do sindicato.

O SIGMUC REPUDIA todos os atos praticados pelo diretor da Guarda Municipal com o aval do Secretário, que tenham como mote “penalizar” guardas municipais que prestam um serviço de excelência em suas funções, sem deixar-se influenciar por pressões de ordem política ou por entendimentos diversos daquilo que se espera dos operadores de segurança pública.

Tal atitude é comum àqueles que não conseguem entender que políticos vêm e vão e fazem do “poder” um instrumento de preservação de seus interesses pessoais e não do fortalecimento de sua carreira tornando-a melhor e mais justa.

SIGMUC – JUNTOS SOMOS FORTES!

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios*