CONTRARIANDO PROPAGANDA DA PMC, FROTA DA GUARDA MUNICIPAL VIVE NOVO COLAPSO ÀS VÉSPERAS DA ABERTURA DAS FESTIVIDADES DO NATAL.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on print

#SOSGMC
A vários meses a diretoria do sindicato vem denunciando as condições precárias da frota própria e alugada da Guarda Municipal. Toda semana, viaturas são baixadas para manutenção causados pela falta de manutenção preventiva, ou, problemas surgidos pelo excesso de quilometragem dos veículos.

Das dez viaturas destinadas para o Policiamento de Proximidade Ostensiva (PPO), apenas três estão rodando nesta semana. Nos bairros a situação não é diferente, viaturas estão sendo baixadas por vazamento de água, óleo, e problemas na caixa de câmbio.

“Em sua grande maioria, estes veículos que dão problema frequente de manutenção, são aqueles que foram recebidos pela Guarda Municipal no ano passado, e já chegaram com mais de 75 mil quilômetros rodados. A Guarda Municipal não pode receber veículos nestas condições, deveríamos pagar por veículos novos e não usados”, desabafou um guarda municipal.

Além da diminuição na cobertura de segurança a ser realizada nas ruas, Praças, Parques e demais localidades da cidade, esta situação também coloca em risco a segurança das equipes fixas, quando da solicitação de apoio em ocorrências.

O sindicato vem alertando sobre a situação desde o ano passado, e vem destacando que os termos firmados no último contrato de locação das viaturas junto empresa COTRANS é ruim, e cobra providências da Prefeitura quanto ao tema.

Matéria sobre os veículos velhos, entregues como viaturas novas para a GM de Curitiba, já havia sido fruto de denúncia por parte do SIGMUC, o problema agora se agrava cada vez mais, acompanhe aqui https://ricmais.com.br/noticias/sindicato-da-gm-de-curitiba-questiona-aquisicao-de-viaturas-novas-ja-utilizadas-em-sc/

COMPARTILHE

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Share on print
Print

FILIE-SE AO SIGMUC

INFORMATIVO SOBRE A PEC 32/2020

DENUNCIE IRREGULARIDADES

FACEBOOK

Outras Notícias