You are currently viewing GUARDAS MUNICIPAIS DECIDEM APOIAR À PARALISAÇÃO DOS SERVIDORES NO PRÓXIMO DIA 15

GUARDAS MUNICIPAIS DECIDEM APOIAR À PARALISAÇÃO DOS SERVIDORES NO PRÓXIMO DIA 15

Os guardas municipais reunidos em assembleia nesta noite (05/10), decidiram apoiar ao movimento dos demais servidores públicos no próximo dia 15/10.

A redução salarial imposta pela suspensão dos 3,14% da reposição da inflação concedida em 2020, somados a não concessão da recomposição da inflação deste ano, mais o aumento de atribuições sem a devida contraprestação financeira, congelamento do Plano de Carreira por 5(cinco) anos, mudanças nas regras previdenciárias e avaliação de desempenho sem critérios objetivos, motivaram a decisão.

A pauta prioritária da categoria, apresentada a PMC, após a última assembleia sequer foi respondida pela Administração até o presente momento.

Os Guardas Municipais que estiverem de folga (1/3) do efetivo, deverão comparecer na Manifestação no dia 15, os demais que estiverem de serviço promoverão Operação “0% de Multa”.

“O nome da operação corresponde ao percentual que os guardas municipais estão recebendo de valorização da gestão Rafael Greca. Justamente no pico da inflação de alimentos, o Prefeito luta para diminuir ainda mais a remuneração dos guardas municipais, a categoria resolveu dar uma BASTA, tudo tem um limite! ” Declararam os diretores do sindicato.

Importante destacar, que os guardas municipais não pararam um só minuto durante o auge da Pandemia da Covid-19, atrás apenas da Saúde, a categoria apresentou o maior número de servidores contaminados e vitimados pela doença. O fluxo de trabalho só aumentou chegando a mais de 57 mil ocorrências atendidas em 2020 e neste ano, já foi ultrapassado no mês de outubro, mais de 46 mil, o que indica que até o final do ano novo record de atendimento será registrado.  E mesmo assim, o vencimento inicial da carreira continua sendo um dos piores do funcionalismo público municipal.

SEGUIMOS NA LUTA POR DIGNIDADE E VALORIZAÇÃO!

DIRETORIA

SIGMUC