NOTA OFICIAL DO SINDICATO DOS SERVIDORES DA GUARDA MUNICIPAL DE CURITIBA

Senhores Guardas;

O Sindicato nasceu pela vontade soberana de sua assembléia que deliberou pela fundação. O sindicalismo tem como primado a solidariedade da luta de classe. De um lado o patrão, de outro os trabalhadores.

Como Servidores Públicos, servimos ao público, nunca as pessoas,  que embora eleitos pelo povo, estão a serviço do povo.   Nós, os servidores públicos, independente de partido político ou do governante temos o compromisso a quem devemos servir. Por isto somos servidores públicos.

O SIGMUC,  no seu dever, sua obrigação ao saber que um projeto de lei,  de origem da administração, ou  seja do poder executivo, sob  PRETEXTO  de prestigiar o dia do  AGENTE DE TRÂNSITO, CONVOCA SUA BANCADA, QUE SÃO MAIORIA ABSOLUTA NA Câmara de Vereadores para votarem o projeto de lei.

O SIGMUC, indignado, ao identificar que por detrás está camuflado  diversos interesses que ofendem, agridem os GUARDAS MUNICIPAIS.

A  Diretoria do  SIGMUC, foi até a Prefeitura, é foi recebida por assessores, expôs sua indignação quanto à tabela salarial da Guarda Municipal que hoje prevê vencimento base inferior ao proposto para o cargo de agente de trânsito.

NÓS GUARDAS MUNICIPAIS TRABALHAMOS MUITO ALÉM DAS 40HS SEMANAIS DEVIDO AS ESCALAS 12X36, ARRISCAMOS NOSSA INTEGRIDADE FÍSICA,

  • NÃO GANHAMOS DIFÍCIL PROVIMENTO,

  • NÃO GANHAMOS AUXILIO ALIMENTAÇÃO,

  • NÃO GANHAMOS PPQ,

  • NÃO TEMOS PARIDADE NA CARREIRA;

  • NÃO GANHAMOS AUXÍLIO TRANSPORTE,

  • NÃO QUEREM NOS REENQUADRAR POR TEMPO DE SERVIÇO;

  • NÃO QUEREM ENCORPORAR O ABONO NO VENCIMENTO BASE DO GM;

  • NÃO QUEREM VALORIZAR A CARREIRA;

  • PARA GUARDA MUNICIPAL SÓ SOBRA O  “NÃO”.

O SIGMUC  sensibilizou os representantes da administração, “NÃO OS DO RECURSOS HUMANOS”, que sabiam e nunca  e nada informaram o SIGMUC, logo há perda de confiança em qualquer condição de negociação.

Durante todo o dia o SIGMUC trabalhou duro pelo   adiamento da votação da criação e contratação  DE AGENTES DE TRANSITO.  E , conseguiu adiar a votação .

 Na reunião na Câmara de Vereadores, estavam presentes o líder do prefeito Vereador Pedro Paulo e o Presidente da Câmara Dr. Paulo Salamuni, Vereadora Jozete, Vereador Tiago Gevert, assessor jurídico da prefeitura  Dr. Paulo Valério e representantes da Setran.

No final da reunião ficou decidido que  na próxima quarta feira dia 25 as 17 horas na Plenária da Câmara Municipal de Curitiba haverá reunião para debater as questões, principalmente a falta de valorização da carreira da GMC.

Companheiros o que esta em QUESTÃO?

A indignação do sindicato, que não podia ser diferente, é sair em defesa da categoria. Essa é a clara posição do SIGMUC, Sindicato dos Servidores da Guarda Municipal de Curitiba.

A expressiva e justa revolta liderada pelos representantes do sindicato que  empunham a bandeira contra o recente projeto de lei que cria o cargo de agentes de trânsito, cuja carreira prevê a carga horária semanal de 30 horas e vencimentos básicos muito superior ao que hoje são pagos para os Guardas Municipais. Não foi só esta a gota d’água que transbordou o copo da insatisfação latente dos guardas municipais para com a Administração. É chegado a hora ou nos unimos e lutamos por nossos direitos ou assim será o tratamento que nos será dado.

É preciso que fique claro, que ESTAMOS NO MEIO DO PROCESSO DE NEGOCIAÇÃO DE PLANO DE CARREIRA no qual a Administração já demonstrou a INTENÇÃO DE IMPOR CONDIÇÕES QUE NÃO SÃO FAVORÁVEIS aos Guardas Municipais. Como o ENQUADRAMENTO POR REFERÊNCIA SALARIAL E A IMPOSIÇÃO DE TABELA SALARIAL ÚNICA PARA TODOS OS SERVIDORES DA PREFEITURA, porém paralelamente a isso, criou através deste Projeto de lei  Nova Carreira que prevê vencimentos muito superiores aos que são pago hoje para carreira de Guarda Municipal.

Companheiros chegou a hora de lutar pelo nosso reconhecimento interno,  não basta a população dizer que somos ¨ANJOS AZUIS”, QUEREMOS E EXIGIMOS O RECONHECIMENTO DO VALOR DE NOSSO TRABALHO,  essa é a luta contra a falta de valorização da Guarda Municipal!

Chamamos a atenção e conclamamos todos os companheiro  a selar fileira, nos unir  e lutar pelos nosso direitos , não dá mais para suportar  a desvalorização da categoria e promessas vagas.

COMPANHEIROS  vamos a luta, pelos nossos direitos, a diretoria do Sindicato dos Guardas Municipais  convocamos todos os Guardas Municipais  a UNIÃO  em defesa de nosso direitos. Queremos e exigimos respeito ao nosso trabalho, valorização da nossa profissão, para isto convocamos os companheiros que desejam a valorização da Carreira e não concordam com tais imposições para nos solidarizamos e juntos, declararmos nossa insatisfação na Reunião que ocorrerá  quarta-feira dia 25/09 as 17hs na Câmara dos Vereadores.

Nós da diretoria seremos sempre intransigentes em defesa da categoria. Lembrem se o sindicato são os guardas.

Vamos a luta!

Vamos juntos, construir um projeto que primeiro atenda a população, depois a categoria.

O QUE DEFENDEMOS?

Que o concurso seja para GUARDA MUNICIPAL, os concursados integrarão o contingente da Guarda municipal, com atribuições específicas de agente de transito, treinados e preparados para o exercício de suas atividades.

Por fim, tal medida não sobrecarregará os guardas, ao contrario, aumentará a eficiência da administração neste segmento, redução de custos, enxugamento da máquina administrativa,  e aumento da credibilidade da administração perante seus administrados.

Companheiros,

Unidos Somos Fortes!