Prefeito poderá definir em quantas parcelas pagará Licenças Prêmio Vencidas

Prefeito poderá definir em quantas parcelas pagará Licenças Prêmio Vencidas

Dívida com os servidores se estende a mais de 5 anos.

Foi aprovado hoje, em primeiro turno, na 1ª sessão virtual da Câmara de Vereadores de Curitiba, projeto de lei nº 005.00030.2020 que autoriza a Prefeitura de Curitiba a reconhecer as dívidas vencidas decorrentes do não pagamento de licenças prêmio não fruída dos servidores.
Haverá preferência aos portadores de doença grave, conforme regulamentação a ser realizada pela Secretaria Municipal de Administração e de Gestão de Pessoal.
O projeto prevê que a prefeitura poderá fazer o pagamento nas modalidades de desconto administrativo ou parcelamento dos valores, porém não traz limite para o parcelamento.
Emenda ao projeto solicitando um limite máximo de 12(doze) meses para o parcelamento foi protocolado pela Vereadora Josete, porém a mesma foi derrubada pelos vereadores que integram a base do Prefeito Rafael Greca na Câmara.
Mais uma vez, a Gestão Greca trata com menosprezo os servidores públicos, mesmo em plena Pandemia de Coronavírus.
“Se deve, tem que pagar o quanto antes… grande parte dos aposentados esperam pelo pagamento a mais de 5 anos e agora dependerão da “boa vontade” da PMC em parcelar no menor número de parcelas possíveis”, protestaram os diretores do sindicato.
O projeto será votado em segundo turno amanhã (31/03) seguindo para sanção de Greca na sequência.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios*